Resiliência

Cada dia era uma batalha
Cada obstáculo, uma falha
Cada barreira, uma muralha

Cicatrizes e rotina
Experiência e calma
Escadas e atalhos

Cada dia é mais um dia
Cada obstáculo, uma melhoria
Cada barreira,
é só mais um degrau

Anúncios

Dualidade

Como um rio congelado
E sua gélida estática camada,
De escudo a fria feição usando
A efêmera viagem humana percorro

Se triste e insensível aparento
É pois incessantes nevascas atravessei
Calos do cruel tormento
No exterior eu criei

Porém no interior permaneço
Quente e turbulento
Sobrevivendo no isolamento

Até que planícies amenas o gelo derretam
Ou o mar minha fria água encontre,
Sigo incessantemente, frio e quente

Leório